Culture Jamming

A técnica de Culture Jamming, proveniente do que chamam de contracultura (iniciativa meio Hippie que teve seu auge na década de 1960, de utilizar dos meios de comunicação em massa para fazer mobilização e contestação contra o sistema vigente), consiste em refutar o marketing como via de mão única, e oferecer, se utilizando dessas mesmas imagens de marketing, porém alteradas, para fazer a crítica social.

Utilizam também das artes de rua (grafites, pichações, lambes-lambes) para chegar aos espaços comuns da sociedade e fazer frente ao marketing de consumo.

Algumas imagens de crítica ao consumo do Culture Jamming:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *